Crise aumenta violência no campus da Unicamp

A Vigilância interna da Unicamp “Campus Traquilo” registrou 105 casos de furtos, 6 roubos e três sequestros-relâmpagos nos sete primeiros meses do ano mantendo a mesma média do ano passado, porém com mais roubos (quando é usada arma) e sequestros. (em 2014 foram 107 casos de furtos, um roubo e um sequestro). O último caso de sequestro ocorreu na semana passada. A divulgação é proibida , mas muitos dos casos são furtos de carros, de bicicletas e furtos dentro de veículos.

Diariamente, circulam pelo campus mais de 50 mil pessoas. Grande parte dos alunos são contrários à presença da Polícia Militar na universidade e a segurança  é feita por vigilantes  da empresa Strategic contratada pela própria universidade que atua com um grupo de 40 vigilantes 24 horas por dia nas portarias e visitando as unidades .

O delegado da 7º DP de Barão Geraldo, Cássio Vita Piazolli afirma que os números são baixos quando se compara com outras universidades do Estado, como a USP  e outros bairros de Campinas.

Veiculo abandonado após tentativa de roubo. ao Banco Santander na Unicamp em 20/06/15

Veiculo abandonado após tentativa de roubo. ao Banco Santander na Unicamp em 20/06/15

DCE é contra a presença da PM

Para o DCE a questão da violência está se tornando cada vez mais dificil não só no campus em Barão, mas  também em Limeira e Piracicaba. “A posição do movimento estudantil é que precisamos dar uma resposta para sociedade e estudantes, mas não necessariamente a melhor resposta é o embrutecimento do patrulhamento na universidade” , afirma a coordenadora geral do DCE Cris Grazina. “Para nós precisamos refletir que se o modelo de patrulhamento ostensivo da polícia não funciona fora dos muros da Unicamp, por que funcionaria dentro?”

Para o delegado a questão é outra:  “A segurança tem que ser mudada e aperfeiçoada de tempos em tempos, mas não acho o modelo que Unicamp adota errado e tem um relativo sucesso” . Piazolli disse ainda que existe uma expectativa de que os números, especialmente os furtos de bicicleta, diminuam com a prisão de três criminosos.  Segundo o jornal Correio Popular a Secretaria de Segurança Pública informa que houve “redução” de ocorrências na região da Unicamp, mesmo com os dados da própria Universidade apontando o contrário.

Unicamp vai aumentar “Campus Tranquilo”

Em nota, a Unicamp disse que está ciente dos desafios que enfrenta nessa área e tem tomado providências por meio da implementação do programa Campus Tranquilo. A universidade vai aumentar o número de postos fixos de vigilantes e informou que foram feitas melhorias na iluminação e intensificou a poda de árvores. A Unicamp também está estabelecendo convênio com a Prefeitura de Campinas para a implantação e operação no campus do Sistema de Monitoramento por Câmeras. Para viabilizar a execução do projeto, a Unicamp instalará novas câmeras de monitoramento eletrônico com leitura de placas nas pistas de rolagem das seis portarias de acesso ao campus de Campinas, além da instalação de três pontos de leitura de placas em entradas e saídas de Barão Geraldo. A implantação do projeto terá início em setembro, com prazo de aproximadamente seis meses para ser concluído.

Anúncios

Sobre jornaldebarao

um jornal a serviço de Barão Geraldo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Amprovic

Associação de Moradores e Proprietários Village Campinas

Extraterrestres

Seja bem vindo ao Site Extraterrestres - Volte Sempre

CAMPINAS DE OUTRORA

Cultuarei fatos históricos de Campinas através de imagens, textos e eventos relevantes para a nossa cidade. Sejam bem-vindos, assim como as contribuições que queiram enviar. E-mail: lcs.camargo23@gmail.com

The Barão Herald

O jornal que Barão merece.

PIBID HISTÓRIA UEPB - Campus I

Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência.

JORNALDEBARÃO

jornaldebaraogeraldo@gmail.com

Compulsões

Partilho do que conheço para que outros aproveitem como já aproveitei

QUEM A HOMOTRANSFOBIA MATOU HOJE ?

G.G.B. - 37 ANOS ::: BANCO DE DADOS

Centro Cultural Casarão

a Casa de Cultura de Barão Geraldo

%d blogueiros gostam disto: